Pulgas podem estar transmitindo a peste negra nos EUA


Departamento de Saúde Pública dos condados de Navajo e Coconino, no Arizona (EUA), estão emitindo um alerta para a população após testes com pulgas darem positivo para peste negra.

Para quem não sabe a pulga foi um dos principais agentes transmissores da doença na Europa.

A Peste Negra tem sua origem na China, mas as caravanas de comerciantes que aportavam no litoral da Europa, principalmente em Veneza e Gênova, na Itália e traziam ratos infestados de pulgas, que por sua vez continham o bacilo da doença e assim acabavam transmitindo através de picadas para as pessoas. Em um estágio mais avançado da doença começou a se propagar por via aérea, através de espirros e gotícula. E virou foi uma pandemia, isto é, a proliferação generalizada de uma doença  na metade do século XIV.

O Aconselhamento para população do Arizona para reduzir o risco é: não manipular animais doentes ou mortos, usar antipulgas nos animais com frequência, usar repelente, evitar tocar em pulgas e roedores e usar luvas de borracha e outras proteções quando limpar ou escovar animais selvagens.

Os sintomas da peste negra são grandes manchas negras na pele, seguidas de inchaços em regiões de grande concentração de gânglios do sistema linfático, como a virilha e as axilas, dor de cabeça, febre, calafrios, fraqueza.


Pulgas podem estar transmitindo a peste negra nos EUA

log in

reset password

Back to
log in
Inline
Inline